Polaco faz moção de repúdio à Ouro Verde

Documento foi aprovado em virtude do mau funcionamento da plataforma para cadeirante

Publicado em: 14 de novembro de 2018

O vereador Wladiney Pereira Brigida, o Polaco (SD), teve aprovado na ultima sessão ordinária, uma moção de repúdio à empresa Ouro Verde, em virtude do mau funcionamento da plataforma para cadeirante do ônibus 32305, da linha 405, placa EZU 1634. Durante a explanação do documento, o parlamentar passou um vídeo no qual mostrou a dificuldade vivenciada por um cadeirante que tentou fazer uso da plataforma que estava emperrada. O fato ocorreu no dia 28 de outubro, por volta das 21h30 no São Manoel, em Nova Odessa.
 
 “É inadmissível que a empresa que presta o serviço de transporte público coletivo na cidade não tenha uma manutenção dos equipamentos de acessibilidade. Cada vez mais temos pessoas portadores de necessidades utilizando os serviços e o sucateamento do equipamento, como vemos no vídeo, é um afronte ao usuário que paga, e caro, para ter o direito de ir e vir bem como todo mundo”, disse Polaco.
 
No documento o parlamentar diz que o transporte público coletivo seja acessível aos cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida, pois é um direito constitucional do cidadão, previsto nos artigos 227 e 244 da Constituição Federal  e destaca também que, o artigo 166 da Lei Orgânica do Município também prevê que “a entrada em circulação de novos veículos destinados ao transporte coletivo somente será admitida se adaptados para o livre acesso e circulação às pessoas com deficiência”.

 


Publicado por: Assessoria de Imprensa

Cadastre-se e receba notícias em seu email