Programa ‘Vereadores Estudantes’ encerra o ano com 74 Indicações

Alunos que integram projeto apresentaram demandas e conheceram o Poder Legislativo

Publicado em: 06 de dezembro de 2019

A edição de 2019 do programa “Vereador Estudante” de Nova Odessa chegou ao fim nesta sexta-feira (dia 6), com a 7ª e última sessão do ano realizada na Câmara Municipal. Foram apresentadas e votadas 14 Indicações ao Poder Executivo, somando um total de 74 discutidas ao longo do ano. Todas foram encaminhadas à Prefeitura.

O programa tem participação de alunos de 5º ano do Ensino Fundamental das escolas da Rede Municipal de Educação, que conheceram como funcionam os Poderes Legislativo e Executivo. A sessão final teve a presença do vereador e presidente da Câmara, Vagner Barilon, da vereadora Carol Moura e do chefe de gabinete, André Faganello, representando o prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza.

Uma das participantes mais felizes foi a aluna Mariana Rafaela de Carvalho, da Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) ‘Professora Salime Abdo’, que ficou satisfeita em ver o prefeito recentemente entregando a obra de reforma da cobertura da quadra da unidade em que estuda no Jardim Alvorada. Essa era um das reivindicações feitas pela jovem durante a participação no programa.

A aluna Maria Luiza Costa, da Emefei (Escola Municipal de Ensino Fundamental e Educação Infantil) ‘Augustina Paiva’, solicitou à Prefeitura pintura interna e externa da escola no Jardim São Francisco, assim como a troca dos equipamentos usados na quadra escolar. Pedido semelhante da pintura fez a própria Mariana de Carvalho, para a Emef ‘Professora Salime Abdo’.

Arthur Monteiro Gomes, da Emefei ‘Profa. Therezinha Merenda’, pediu reparos na grade de proteção atrás da escola e pintura do muro, porque há pichações e manchas no local. O jovem também requer a colocação de portão para a quadra da Escola Estadual ‘Dorti Zambelo Calil’, que fica ao lado da Emefei, funcionando como área de lazer dos estudantes.

Pela Emef ‘Almerinda Delegá Delben’, Esther Lino da Silva pediu a manutenção na iluminação dos bairros Klavin e Altos do Klavin, assim como a instalação de semáforo na bifurcação entre as ruas Rio Branco, Pedro Bassora e Herman Jankovitz. Ana Carolina Lanzoni, da Emefei ‘Paulo Azenha’, quer reforma no teto do pátio e das salas, e um semáforo na Avenida Antônio Rodrigues Azenha.

Gabrielli Rosa Silva, da Emefei “Haldrey Michelle Bueno”, sugeriu a inclusão no calendário municipal do Dia do Estudante, comemorado no país em 11 de agosto. A ideia é lembrar a data na segunda semana do mesmo mês, com “palestras interativas e diferenciadas”, além de parcerias com instituições privadas, sorteios de cursos profissionalizantes e de línguas estrangeiras.

Indicações – A presidente do programa, Gabrielly Oliveira Felippe, estuda na Emefei “Dante Gazzetta” e apresentou Indicação para a Prefeitura avaliar os espaços de arborização do entorno da unidade escolar. “Árvores foram retiradas e não houve reposição”, alega. A jovem ainda pede a manutenção do calçamento próximo, porque pedras estão soltas ou com buracos, podendo ocasionar acidentes.

Lorena Morais dos Santos, da Emefei ‘Osvaldo Luís da Silva’, citou a necessidade de um ponto de coleta de reciclados em todos os bairros, além da reativação do Zoológico no Parque Ecológico Isidoro Bordon. Ela ainda usou a tribuna livre para agradecer ao programa. “A nossa cidade vem crescendo muito e por isso devemos cuidar dela e preparando para as próximas gerações”, afirma.

Murilo Demori Rodrigues, da Emef ‘Profa. Alzira Ferreira Delegá’, afirma que a unidade passa por reformas e sugere a remarcação da quadra de esportes. Lucca Braga Coelho, da Emef ‘Alvina Maria Adamsom’, menciona que o ponto de ônibus próximo da unidade não tem banco ou cobertura. “As pessoas precisam esperar o ônibus debaixo de sol ou de chuva. Já vi idosos em pé no sol quente”, cita.

E a representante da Emefei ‘Prefeito Simão Welsh’, Izabelle de Souza Gomes, solicitou informações do poder público municipal se existe projeto a respeito da construção de um abrigo para animais na região dos bairros Jardim Santa Rita e Campos Verdes. “Tem vários animais abandonados e andando pelas ruas, precisando de ajuda”, completa.

Diretora municipal de Normas Pedagógicas, Érika Salazar parabenizou o trabalho ao longo do ano dos vereadores-estudantes. “É muito satisfatório ver essas crianças olhando para a nossa cidade e as escolas. Abordando questões ambientais, de locomoção, de trânsito e sinalização”, menciona. “É o começo do olhar cidadão, perceber os nossos deveres e saber como resolvê-los”, reforça.

A vereadora Carol Moura acompanhou a sessão e também usou a tribuna livre. “É um prazer ver esses jovens já se envolvendo e entendendo como funciona o poder público. Além de fazer as Indicações, é trabalho do vereador correr atrás das soluções”, destaca. “É importante conhecer como funcionam os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário”, acrescenta.

Ao final, o presidente Vagner Barilon deu os parabéns aos jovens. “Completam essa jornada iniciada com a eleição nas escolas. Foi dada oportunidade de caminharem nesse projeto ao longo do ano e viram a importância de conversar com o amigo e trazer os problemas em comum para serem resolvidos”, enaltece Barilon. “Completamos a maioridade do programa, com 18 edições”, finaliza.


Publicado por: Assessoria de Imprensa

Cadastre-se e receba notícias em seu email