Carla e Tiago querem o desassoreamento da lagoa do Bosque Isidoro Bordon

Os vereadores protocolaram um requerimento no qual solicitam informações do Executivo

Publicado em: 19 de maio de 2017

Através do requerimento 274/2017, de autoria da presidente da Câmara, Carla Lucena (PSDB) e do vereador Tiago Lobo (PCdoB), os parlamentares buscam informações da Prefeitura sobre as obras para o desassoreamento da lagoa do Bosque Isidoro Bordon. 

 

“Para dar início a uma reforma do Bosque Isidoro Bordon, a obra tem que começar da lagoa que está assoreada. Sabemos que o local necessita de medidas emergenciais para aumentar a capacidade de água, uma vez que a lagoa funciona como um piscinão naquela região, facilitando a macrodrenagem, principalmente em dias de fortes chuvas”, explicou Carla ressaltando que grande parte da lagoa virou um banco de areia.


No documento os vereadores destacam que as represas do município passaram por um processo de desassoreamento aumentando sua profundidade para maior capacidade de reserva e que o mesmo deveria ser feito na lagoa do Bosque.


“No país todo, os rios, lagos, lagoas e nascentes sofrem, principalmente, com o problema de assoreamento causado pela erosão, desmatamento, práticas agrícolas inadequadas e ocupações urbanas, com isso, o desassoreamento faz-se necessário para, aumentar ou estabilizar sua profundidade. E isso não é diferente aqui em nossa cidade”, finalizou Tiago.


Publicado por: Assessoria de Imprensa

Cadastre-se e receba notícias em seu email