Vereador volta a pedir bolsões de estacionamento na área central

Poneis defende abertura de mais vagas para veículos em ajuda a comércios

Publicado em: 22 de novembro de 2019

Um dos assuntos mais abordados ao longo do mandato pelo vereador Avelino Xavier Alves, o Poneis (PSDB), é a possibilidade de implantação de bolsões de estacionamento no centro de Nova Odessa. Esta semana o parlamentar teve aprovado novo requerimento a respeito do assunto e a sugestão é de pelo menos três pontos para receber os espaços e beneficiar os comerciantes da área central.

Poneis afirma que foi procurado por munícipes e comerciantes que alegam faltar lugares para o estacionamento de veículos no centro. Segundo o vereador, eles temem que a situação irá se agravar com a chegada do final de ano e as programações natalinas. Desde 2013 o assunto é tratado pelo parlamentar do PSDB na Câmara, através de diversos requerimentos encaminhados à Prefeitura.

De acordo com Poneis, são três pontos que permitem a construção de bolsões de estacionamento: dois na Rua Heitor Penteado, sendo um em frente à portaria do IZ (Instituto de Zootecnia) e outro no final da rua, paralelo com a linha férrea; e o terceiro na Rua 1º de Janeiro, em frente à Igreja Universal. “Aumentaria as vagas e isso melhora as vendas do comércio e também o trânsito no centro”, cita.

Sobre o bolsão de estacionamento na linha férrea, a Prefeitura informou ao Poder Legislativo, em maio deste ano, que a Secretaria Municipal de Obras entrou em contato com a concessionária ALL (América Latina Logística), que teria se posicionado negativamente ao pedido. A empresa informou sobre a impossibilidade de liberação da área para a Prefeitura realizar a obra pretendida.

“Mesmo não conseguindo na área paralela com a linha férrea, ainda tem os outros dois pontos que podem ser usados pra implantar estacionamentos”, reforça Poneis. O vereador agora quer saber das informações oficiais quanto aos avanços obtidos com relação aos locais na Rua Heitor Penteado, próximo da portaria do IZ, e na Rua 1º de Janeiro, em frente à Igreja Universal.


Publicado por: Assessoria de Imprensa

Cadastre-se e receba notícias em seu email