Vereador defende aumento da cobertura do programa Bolsa-Família

Professor Antônio cita que 825 famílias são atendidas, 62% da estimativa total

Publicado em: 11 de fevereiro de 2020

O vereador Antônio Alves Teixeira, o Professor Antônio (PT), teve aprovado esta semana na Câmara um requerimento no qual solicita informações da Prefeitura de Nova Odessa sobre o programa Bolsa-Família. O parlamentar defende a realização de buscas ativas pelo Setor Social, de modo a ampliar a cobertura do benefício na cidade, que estaria abaixo do necessário.

O requerimento traz a informação de que existem 825 famílias beneficiárias do Bolsa-Família em Nova Odessa, o equivalente a 4,02% da população total no município. Dessas, 310 famílias estariam em condição de ‘extrema pobreza’ sem o programa. Em dezembro de 2019 foram transferidos R$ 139,8 mil no total aos beneficiados na cidade e o valor médio repassado foi de R$ 169,54 por família.

O Professor Antônio afirma que a cobertura do programa é de apenas 62% da estimativa de famílias pobres, calculada com base em dados do Censo Demográfico feito pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). “O foco da gestão municipal deve ser na realização de ações de busca ativa para localizar famílias que estão no perfil do programa e ainda não foram cadastradas”, defende.

O vereador também pede uma atenção especial da Prefeitura para a manutenção e atualização cadastral dos beneficiários, com intuito de evitar que as famílias que ainda precisam do benefício tenham o pagamento interrompido. “Quero saber o que está sendo feito pelo Setor Social, para as outras pessoas que se enquadram tenham direito”, reforça Antônio.

Professor concursado da Rede Estadual de Ensino, o vereador começou este ano a lecionar aulas na Escola Estadual ‘Geraldo de Oliveira’. “Boa parte das famílias que têm direito possuem alunos estudando naquela escola”, diz. “Precisa ter um trabalho de busca ativa, para mais pessoas usufruir desse benefício. São exatamente as que têm maior dificuldade em acessar informações”, completa.


Publicado por: Assessoria de Imprensa

Cadastre-se e receba notícias em seu email